sábado, 28 de julho de 2012

Alguns dos filmes que assistimos no cinema, saímos quase surdos de tanto volume nas caixas de som, eu lembro que foi assim em Terminator 3 (O exterminador do futuro 3) e em 2012. Quando o filme  tem um roteiro que não é lá essas coisas, as produtoras exageram nos efeitos especiais e no som. Também já não se sabe o que é chroma key e o que é real.

Mas antigamente , quando nem se sonhava com esses recursos de computação, como eram feitos os filmes de monstros, alienígenas e coizaradas? No muque mesmo... 

Como essas cenas dos bastidores de Godzilla de 1954..











Categories:

2 comentários:

Xandão e Cintia de Jundiaí disse...

Godzila não digo mas, ULTRASEVEN e ULTRAMAN era simplesmente o máximo na época de minha infância.
E um tempo atras, quando ví um especial no (acho) top TV sobre os dois, mostraram todos os recursos de efeitos especiais que colocariam os "spielbergs" da vida no chinelo.
Mas adorei o post que mais uma vez nos levou as lembranças da nossa infância!

Xandão

Xandão e Cintia de Jundiaí disse...

http://tamezuando.com.br/curiosidades/bastidores-do-godzilla-de-1954/comment-page-1/#comment-1365


Xandão

Subscribe to RSS Feed Follow me on Twitter!