terça-feira, 14 de agosto de 2012

Quem trabalha toda a semana, de lua a lua, não merece ficar trancafiado em casa no final de semana. No domingo decidimos ir até Guaporé visitar uma feira de jóias e lingeries (oba!!) na Mostra Guaporé. O dia  estava convidativo pra isso...então vamo pegá a estrada...

Saindo de Lajeado dá um pouco mais de 90 kms até Guaporé que fica na encosta da serra gaúcha. Primeiro a BR 386, depois o entroncamento com a RS 130 por uns 20 kms...
 Até o acesso a Roca Sales, daí já é a RS129...

Essa é a rua que recebe cobertura em eventos na cidade de Muçum. Não é o dos Trapalhões.. aquele era Mussum...


Pena que não há lugar para estacionar pra tirar as fotos.. e parou no acostamento, já sabe...



 Curvas, curvas...pra lá...
 e mais curvas....pra cá...

A uns 20 kms antes de chegar em Guaporé tem um belvedere que dá pra parar e tirar umas fotos..


 Eu não gosto de tirar fotos, mas vamos lá....
 Mais um pouco de estrada
 Na entrada da cidade de Guaporé... a feira foi no autódromo
 A cidade tá bonita como sempre..desde que conheci no início dos anos 90, só agora achei mais limpa, mais moderna e melhor estruturada no trânsito, apesar de ser um domingo e estar bastante calmo
 Guaporé tem em torno de 25 mil habitantes e a economia do município é baseada em produção de jóias e da indústria de lingerie, além claro, de outros ramos de atividade e tem um bom comércio..

A praça tá muito bonita..

 
A minha vontade era dar um giro pelo autódromo, mas... convence a segurança...
 Alguns carros da feira...




Nunca vi tanta lingerie na vida...infelizmente sem os conteúdos...

Olhe esses folheados... parecem ser de algum metal..

 na verdade são feitos dessa plantinha aí... são modelados e depois banhados em ouro...

e nesse rótulo, misturado com o papel tem a semente não da jóia.. da plantinha, né... É só plantar com papel e tudo e esperar germinar...


Na saída, decidimos, claro visitar a estátua do Cristo, lá no alto do morro.
 e que morro!! Eita subidinha danada... alguns lugares andando em primeirinha pra subir...
 Mas a vista vale a pena...

Esse Cristo deve ter uns 10 ou 12 metros de altura.. não é tão alto quanto o do Rio de Janeiro....



O tempo anunciava chuva e começou a fechar com nuvens, por isso as fotos não ficaram lá essas coisas...

Na descida, freio motor e 30 por hora...

E a chuva que não veio, melhor assim... na volta tudo limpo de novo...
 Vale a pena qualquer passeio pra arejar a cabeça, sair de casa e aproveitar o restinho do final de semana, se o passeio for em domingo. E não precisa ser de carro, pode ser de ônibus, bicicleta, a pé, cavalo.... o que vale é aproveitar o tempo e curtir o passeio com quem amamos e nos fazem sentir bem só por estar ali do lado.

3 comentários:

Xandão e Cintia de Jundiaí disse...

Ainda bem que você não gosta de tirar fotos suas!!! HEHEHEHE

Brincadeira. ; ))

e falando em passeios, fomos neste Domingo eu, Dona Cintia e Dona Marina (minha filha)no museu da TAM, ver os belos exemplares de aeronaves expostos lá.
De Jundiaí até São Carlos são uns 200km , mas valeu a pena. Emocionante foi o P47 que não havia visto ainda de perto e matando a saudade do Spitfire que está em condições de voo e vi ele voando nos céus de Jundiaí por volta de 2000.
Muito bom mesmo.

Abraços

Xandão

Solano disse...

Xandão, eu fiquei pensando num rol de palavrões pra escrever de volta... mas depois lembrei que vcs são os que mais comentam no Coizaradas, então deixei passar... hehehe

Meu, esse é um lugar que eu gostaria de conhecer, sou louco por aviões. Seleciona algumas fotos e manda pra cá que eu publico no blog (com os devidos créditos, of course).Acho que seria interessante..
Abraço pra vo6!

Xandão disse...

Você sabe que capricorniano não disa passar uma piadinha. Pode deixar que
envio algumas porque como adoro aviação e principalmente a militar, tirei milhares de fotos (exagero).
Mas o lugar é muito legal mesmo, muito bem montado e bonito.
Realmente comparado com os museus lá de fora (conhecidos somente por reportagens)é pequeno, mas tem bons exemplares como o Constelation que fez história na nossa aviação e o Jahú que foi totalmente restaurado e também exposto.

Abraços

Xandão e Cintia

Subscribe to RSS Feed Follow me on Twitter!