quinta-feira, 5 de março de 2015

Assistimos ontem o tão falado e polêmico filme "Cinquenta tons de cinza" que prometeu muito e no meu ver, foi muito marketing e propaganda... Talvez não faça jus ao livro, o filme deixou a desejar, nada que não se veja nas novelas da Globo...

Entre os milionário sedutores de filmes, esse fica entre "Arthur, o milionário sedutor", filme de 1981 com Dudley Moore e Liza Minelli e "Uma linda mulher" de 1990 com Richard Gere e Júlia Roberts.

Só pra refrescar a memória:
- Arthur é um rico herdeiro sempre bêbado irresponsável e sem ambições, que está à beira da falência. Por esta razão, ele decide casar com Susan, a quem não ama. Mas tudo muda quando ele encontra Linda, uma garota pobre, aspirante à atriz que trabalha como garçonete e por quem fica apaixonado.
Dudley Moore (Arthur Bach) com Liza Minelli (Linda Marolla) e o mordomo John Gielgud (Hobson)


Pretty Woman (Uma Linda Mulher) é um filme tipo comédia romântica, é do ano de 1990. O filme é estrelado por Richard Gere e Julia Roberts. A história de Pretty Woman se concentra na prostituta de Hollywood e de pouca sorte Vivian Ward que é contratada por um rico empresário, Edward Lewis, para ser sua acompanhante para várias funções empresariais e sociais, e sua relação em desenvolvimento ao longo da estadia de uma semana de Vivian com ele. Só que o que era pra ser uma acompanhante paga, se torna uma história romântica. Pelo sucesso do filme virou referência e modelo para muitos filmes do estilo que viriam depois. Pretty Woman deixou muitos admiradores nesses 25 anos. Cinquenta tons de cinza, deixará também?

Richard Gere e Julia Roberts

Cinquenta Tons de Cinza retrata Anastasia Steele, uma virgem de 21 anos cursando a Faculdade de Literatura que, após entrevistar Christian Grey para o jornal da faculdade, passa a ter um relacionamento com o magnata. A trama desenrola-se em Seattle. Em meio ao luxo, Anastasia descobre, por meio de Christian Grey, o mundo do sadomasoquismo, com ricos detalhes de bondage, sadismo e masoquismo.
Dakota Johnson e Jamie Dornan

O filme também tem alguns clichês (que são cenas e situações repetidas em muitos filmes), o tal do Christian Grey não tem a postura ou estilo de um milionário como Edward Lewis (Richard Gere - de Pretty Woman). Ele é uma pessoa que tem sérios problemas de comportamento e precisa de acompanhamento psicológico.

0 comentários:

Subscribe to RSS Feed Follow me on Twitter!