quarta-feira, 22 de julho de 2015

Quando eu era criança e ainda caçava passarinhos, de repente eu imaginei que um dia eles estariam extintos e resolvi criá-los em um viveiro na esperança de que se reproduzissem. Depois de muito tempo tentando criar cenas românticas e prazerosas entre os penosos sem sucesso, resolvi soltar todos eles e nunca mais prender bichinho nenhum... isso foi lá nos anos 70. Hoje esses canarinhos e tico-ticos são quase uma praga de tanto que tem.

Mas pelo menos existe uma grande interatividade entre as pessoas e os animais, eu acho até demais essa relação super-protetora. Animais dormindo na cama, almoçando junto e usando o sofá da casa pra dormir, definitivamente não é comigo. Tem gente que exagera, não estabelece limites para os animais dentro de casa e trata melhor do que um ser humano. Também não é o caso de tratar melhor ou pior, mas de tratar ambos com respeito e com as devidas considerações...


Esse buldogue francês um dia vai morder a dona, com certeza...

Até animais selvagens estão bem próximos do homem ...



 Mas deve-se respeitar os espaços, felinos são territorialistas e não permitem invasão...




Há que se cuidar de todos, todos eles juntos causam menos degradação ao planeta que a espécie dominante.
Categories:

0 comentários:

Subscribe to RSS Feed Follow me on Twitter!